quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Livro do Jonathan para ver clica no branco.



O Romance de Daniele

" SE QUERES CONHECER O AMOR"

“POEMA SE QUER CONHECER O AMOR”
 Se quiseres descobrir o amor em teu ser...
 Primeiro observa o nascimento das flores sobre as pedras... 
O nascimento da borboleta em seu casulo tão limitado... 
Observe as aves que voam livremente em alto céu, e nenhuma se perde no caminho... 
Observa o sol nascendo e iluminando o que há pouco era só escuridão... 
Se quiseres conhecer o amor... 
Observa o movimento gracioso dos ventos por entre as flores... 
Vê as sementes sendo lançadas para outros solos, transformando-os, delicadamente, sem pressa... Observa a generosidade com que a natureza te acolhe... 
Mostrando com seus movimentos a importância de te sentires como ela te sente... 
Se quiseres sentir amor... 
Olha para os teus irmãos com a disposição... 
Sem julgamento... 
Vê-los como eles são... 
Olha para ti e aceita o que vem do teu coração...
 Banhando teu ser de luz e confiança... 
Se quiseres compartilhar o amor...
 Apenas estende tua intenção e ela chegará ao mundo...
 E a ti retornará, trazendo-te as bênçãos Daquele que sorri com tua conduta...
 Se quiseres prosseguir com o amor... 
Procura viver de acordo com as dádivas que te foram dadas...
 Apenas caminha por entre os percursos que para ti já estão preparados...
 Vai com tua luz, iluminando o que parece ser escuro... 
Respeitando cada ser, que o teu caminho acolher... 
Compartilhando o teu conhecer, a tua alegria... 
Teu amor... 
Tua compaixão... 
Teu sorriso... 
Principalmente... 
Tua integridade para tornar-se o verdadeiro filho de Deus. 
 Autora: Maria José dos Santos Ferreira

quando se trata de amor


“Poema” quando se trata de amor.
Existem coisas que precisamos lembrar para não esquecer..

Mas tem coisas impossíveis de esquecer.

Quando se trata de amor...
 Todo sonho se torna a mais pura

Realidade.
Um momento não é tudo, mas você é tudo em um só

Momento...
 Uma grande pessoa é aquela que faz nascer...

Dentro da gente um grande sentimento.
Não sei se dentro de você existe um pouco de mim, mas...
Dentro de mim existe muito de você...
Quando duas pessoas se amam, elas não se submetem e não... Domina-se...
Apenas se completam...
Seu amor me completou...
A beleza das pessoas está na capacidade de amar...
E encontrar no próximo a continuidade de seu ser...
Não há jardins sem flores nem coração sem amor..
No amor, todas as contradições da vida se dissolvem e desaparecem...
 Só no amor existe unidade e dualidade sem conflito
Autora Maria José



"Sonho de amor" Poema


 Se o amor que sinto por você for um sonho...
 Quero dormir para sempre sonhando contigo eternamente. 
 Por sua causa eu tenho lindos sonhos para sonhar...
 Por sua causa...
 Minha vida está cheia de amor para dar...
 Não importa se você está perto ou longe...
 O que importa é que... 
 Você existe, para que eu possa sentir sua falta. 
Quando te conheci, houve um lugar, um tempo e um...
Sentimento... 
O tempo ficou marcado...
O lugar será sempre lembrado...
E o amor jamais será terminado. 
Nada existe de mais lindo do que seu olhar...
Nada é mais encantador do que...
Os teus lábios sorrindo depois de um beijo de amor.
Todo sonho de amor se torna a mais pura realidade...
Mas continuo amando...
A quem o destino me deu. 
Os amores profundos cultivam-se no silêncio... 
Autora Maria José

"Poema Quero sentir seu amor"




“Poema” Quéro sentir seu amor
So lamento não ter te conhecido desde o primeiro dia em que
Começaste a compreender o amor...
Beijar-te é como perder a noção do tempo e do espaço...
Ver o Ceú azuldo as estrelas mais brilhantes.

É te ver como um anjo branco e suave descendo sobre as nuvens....
Não troco um minuto de ontem contigo por cem anos da minha vida sem você.
Tuas mãos me compreendem me falam me toca me levam...
Faz-me terna.
Não deixe de abraçar-me a cada segundo mesmo que nos meus...
Sonhos.
Quero sentir seu amor...
Sentir seu abraço...
Perder o conhecimento tocaria o céu te amando a cada segundo.
Se seu amor fosse meu...
Como meu amor é somente seu...
Juntaria tudo para formar um amor tão doce quanto o mel.
Nosso amor seria tão verdadeiro e transparente como as águas do Oceano...
Seria da cor dos céus...
Nosso olhar seria tão cheio de brilho como o brilho de um...
Diamante.
Com seria lindo nosso amor...
Se eu fosse sua e você fosse meu, roubaria a sua sua paixão e lhe
Daria o meu viver.
Hoje pode ser o dia mais feliz para nós, concerteza se você...
Vivenciasse o amor assim como eu.
Certamente seriamos felizes eternamente.
Nada é pequeno no amor, quando dois corações seguem a...
Mesma batida.
Aqueles que esperam por  grandes ocasiões para demonstrar a...
Sua ternura não sabe amar.
Deixa o amor perdido na imencidão de seus pensamentos.
O jogo da conquista tem muitos truques e só um desafio...
Vencer o medo de demostrar amor a pessoa amada.
Autora Maria José

Pra sempre vou te amar



PRA SEMPRE VOU TE AMAR “Poema”

Meu amor, quando digo que te amo profundamente...

Estou descrevendo apenas superficialmente tudo o que sinto.

Eu queria ser poeta, mas poeta eu não posso ser...

Porque poeta pensa muito...

  Eu  penso  somente em você.

Meu maior sonho e trazer você para a minha realidade...

A minha realidade é amar você.

Não posso dizer que esqueci...

Por que um grande amor não se esquece...

Apenas escondemos dentro do caração.
Nunca digas que esqueceste um amor diga apenas que     
Consegue falar nele sem chorar, pois o amor é...
Inesquecível...
Você é inesquecivel para mim.
O dia mais importante não é o dia em que conhecemos...
   Uma pessoa...
Mas quando ela passa a existir dentro de nós...
  Não morremos quando deixamos de existir, mas quando
Deixamos de amar...
Por isto viverei eternamente...
Por que pra sempre vou te amar.
Autora Maria José

“Dura Saudade” Poesia






Já não sei mais quem sou...

Não ei mais quem tu és...

Só sei que te amei loucamente.

Perdi-me num mar de ilusões...

Até hoje não me enconterei.

Passei por dias turbulentos...

Andei contra o vento.
Por noites estreladas, vivi o mais lindo e profundo sonho...

Acordei na mais triste e longa estrada.

Não sei qual é a razão do amor...
Nem tenho a noção de nada, esperei a mais precisa flor...

Só encontrei espinho e dor.
Não econtrei luz, andei na escuridão do meu sofrimento...

Percorri sua alma embriaguei-me no calice do seu amor.

Depois de viajar no tempo acordei só com o perfume...

Da flor e a lembrança do seu amor.

Mesmo assim fiquei com a dura saudade...

De um dia que nunca chegou.

Autora Maria José

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Em breve estarei postando meu mais recente livro de História baseado em fatos reais.
 O TITULO DO LIVRO É
"EM BUSCA DE SONHO.
Minha protagonista é Fátima de Abreu e Dra. Eneide Pompiani de Moura, e outros personagem da vida real.

Meu livro de poema "UMA ROSA PARA MIM"


Queridos amigos sejam bem vindos.
Este livro de poemas está disponível para venda por em comenda.
Em breve estarei postando o meu mais recente livro de histórias baseado em fatos reais..
Este livro trás o titulo "EM BUSCA DO SONHO"
É uma linda História da vida real.

sábado, 24 de setembro de 2011


"Poema"
Além das sombras...
Que vão descendo...
Tudo envolvendo...
Na escuridão.
Eu vejo a gloria...
Do sol nascente...
Resplandescente...
No seu clarão.
Não pode a noite...
Por mais sombria...
A luz do dia toda esconder.
Após as as trevas...
Vem triunfante...
O sol brilhante...
Do amanhecer.
Assim as sombras...
Não permanecem...
Quando escurecem o nosso olhar.
No planto amargo...
Que as dores trazem...
E a muitos fazem...
Desanimar.
Se a noite é longa nos teus caminhos...
E se os espinhos vem te ferir.
Não desanimes...
Ó alma triste...
Um sol existe e vai surgir.
Jesus não tarda...
A sua vinda, um  pouco ainda e o verás.

As sombras fogem com  seus terrores...
E suas dores não voltam mais.
Autora Maria José

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

"AGRADECENDO A DEUS"


"AGRADECENDO A DEUS"
NESTA MANHÃ TÃO LINDA, OLHEI PARA O CÉU.
FIQUEI PENSANDO QUANTAS VEZES
FICAMOS LHE INCOMODANDO
COM PEDIDOS DE AJUDA PARA ACALMAR NOSSOS CORAÇÕES.
QUANTAS VEZES ESTAMOS TÃO ENVOLVIDOS
EM NOSSOS CONFLITOS,
SEM ENCONTRARMOS CAMINHOS QUE NOS TRAGAM CALMA,
TRANQÜILIDADE E SUPLICAMOS À VOCÊ UM AMPARO.
DENTRO DESTE TURBILHÃO DE SENTIMENTOS, NOS ESQUECEMOS DE OLHAR E PERCEBER A IMENSIDÃO DO
AZUL QUE NOS ACOMPANHA TODO O TEMPO, EM TODOS OS LUGARES POR ONDE ANDAMOS,
EM TODOS OS CAMINHOS QUE PERCORREMOS.
ESTE GRANDE AZUL !
SILENCIOSO, COR DA TRANQÜILIDADE,
COM NUVENS BRANCAS, LEVES, MACIAS, COR DA PAZ !
SE FIXARMOS UM POUCO NESTA PAISAGEM INFINITA,
PERCEBEMOS QUE DE INTERVALOS À INTERVALOS, UM PÁSSARO SOBREVOA POR ENTRE ESTE AZUL, COMO QUE NOS ENSINANDO QUE UM SER VIVO TAMBÉM PODE ENTRAR NESTA PAISAGEM E USUFRUIR DO QUE ELA NOS OFERECE.
QUE PRESENTE LINDO VOCÊ NOS DEU, PAI !
COMO SOMOS TÃO CEGOS A PONTO DE NÃO PERCEBERMOS QUE SOMOS AJUDADOS A TODO INSTANTE,
EM QUALQUER HORA E LUGAR !
E VOCÊ,
PAI DA CALMA E DO AMOR,
SEMPRE EM SEU SILENCIO,
SABENDO DE NOSSA CEGUEIRA,
APENAS ESPERA.
OBRIGADO PAI POR TUDO QUE SOU.

"EU SOU A ROSA"


"EU SOU A ROSA"  
Era final de inverno...
Mais um ano havia passado e não se chegara a nenhuma conclusão.
Os partidários das diversas facções, dia após dia, perdiam-se em longas e intermináveis discussões sobre esta ou aquela candidata, sem chegarem a um consenso.
Decantava-se a beleza da papoula, as qualidades das alfazemas, o perfume dos cravos, as virtudes de pureza e humildade de lírios e violetas.
Tudo em vão...
Num canto despretensioso do mundo, onde as espécies vegetais cresciam silenciosamente, um pequeno arbusto travava sua luta diária pela sobrevivência, alheio a toda sorte de discussões.
Conformada com sua forma tosca, retorcida, prenhe de espinhos pontiagudos e consciente de que nunca alcançaria a beleza de um dente-de-leão, acostumara-se a ser desprezado e humilhado, sem, no entanto, deixar de prestar atenção nas pequenas criaturas que dependiam de sua existência para sobreviver.
A elas dedicava a sua vida, emprestando a segurança de seu tronco e ramos para abrigar insetos das chuvas e ventanias.
Era feliz, pois, se não tinha a beleza, tinha a utilidade, e isso lhe bastava.
Naquela manhã fria de final de inverno, ainda não totalmente desperta da noite, a plantinha rude viu despregar do céu uma linda estrela cor de prata.
Sorrindo, acompanhou-lhe a trajetória em arco perfeito pelo céu escuro, descendo, descendo... Em direção à floresta ainda adormecida.
Era tão suave e linda aquela forma, que, instintivamente, todos na floresta, árvores, arbustos, pássaros e flores, acordados pela luz repentina, curvavam-se para vê-la passar.
A estrela flutuou entre sorrisos, agradecendo a simpatia da floresta, até chegar perto do arbusto cheio de espinhos.
Aproximou-se lentamente da plantinha e falou-lhe docemente.
Não te inscrevestes na eleição da rainha das flores, por isso vim pessoalmente buscar-te...
Mas, senhora... gagejou a planta, ...eu?? Como posso aspirar a ser rainha de qualquer coisa... não vês o quanto sou feia!!
O Senhor da vida ordenou-me que viesse buscá-la...
Se este é o seu desejo...aqui me tens, senhora...
E partiram em um rastro de luz, na direção do conselho das flores.
As demais candidatas riram-se da pretenciosa intenção daquele feio arbusto.
A platéia silenciou quando entrou no ambiente a primavera, anunciada pelo som de mil clarins.
O arbusto, espantado, reconheceu a estrela que a trouxera até ali.
Então, senhores conselheiros - questionou a primavera- o Senhor da vida deseja saber se já encontraram a legítima representante de Seu Reino?
Não, senhora. Estávamos para decidir-nos, quando fomos interrompidos pela vaidade dessa planta sem qualidades que aí está. Veja! Quanta ousadia...
A primavera voltou-se para a plantinha que chorava de vergonha e humilhação e perguntou:
O que mais desejas nesta vida? E a planta respondeu entre lágrimas...
Amar e ser amada...
A primavera, então, tocou os galhos espinhosos e, logo, botões surgiram dos galhos semi-nus, abrindo-se em mil pétalas sedosas, de perfume inesquecível...
Qual é o teu nome? Perguntaram todos.
Eu sou a rosa...
Quando o amor tocar os espinheiros do mundo, as rosas brotarão em cada alma.
Tal é a lei de amor, como ensinou Jesus.

Lindos poemas e reflexão